Quinta-feira, 24 de Setembro de 2020
Mundo

Com Orla fechada, parques e praças de Porto Alegre registram movimento neste domingo

Publicada em 19/07/20 às 21:04h - 56 visualizações

por Gaucha ZH


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Fechada desde o início do mês, como uma das medidas municipais para combater o avanço do coronavírus, a orla do Guaíba se mantém bloqueada no trecho revitalizado, sem receber visitantes. Os porto-alegrenses, no entanto, escolheram outros destinos da cidade no final de semana, mesmo com a recomendação de isolamento social.

Em frente a Orla, na Praça Júlio Mesquita, o movimento aumentou neste final de semana, com a chegada do sol e do calor. Neste domingo (19), a Praça da Encol e o Parque Moinhos de Vento, conhecido como Parcão, foram também dois espaços bastante procurados.

Na Encol, grupos de adultos e crianças sem máscaras podiam ser vistos em diferentes pontos. São cenas que também se repetiram no Parcão. Ao perceberam a presença de fotógrafos da imprensa, muitos frequentadores colocavam suas máscaras ou tapavam o rosto, para não serem flagrados com a face descoberta.

A vendedora Letícia Machado, que passou a tarde no Parcão com o filho e uma amiga, afirma que manteve o cuidado com o distanciamento social em seu passeio:

– O que nos levou a vir foi o dia lindo e importância de tomar sol, vitamina D. Saímos de uma semana de muita chuva e umidade. É importante se exercitar e se expor ao sol.

Para Letícia, o movimento no parque não foi surpreendente:

– Antes da pandemia, sempre frequentava o Parcão. Hoje estava bem menos movimentado do que antes da quarentena.

Apesar de frequentadores avaliarem o movimento como normal ou até mesmo baixo, há de fato uma tendência de queda no isolamento social de Porto Alegre. Neste sábado (18), o índice de isolamento divulgado pela prefeitura foi de 42,6%, oito pontos abaixo do registrado no sábado anterior (11), quando ficou em 50,6%. 

Os números preocupam as autoridades, já que a meta do Executivo é um isolamento mínimo de 55%. Nesta sexta-feira (17), o prefeito Nelson Marchezan já havia se pronunciado sobre o tema, afirmando que “ou diminuímos a circulação de pessoas ou nos encaminhamos para o lockdown”.

– As medidas restritivas não foram capazes de diminuir a circulação de pessoas. Entendemos que as pessoas estão cansadas psicologicamente e os negócios com suas capacidades no limite, mas cada medida adotada leva 15 dias para ter reflexo – afirmou o prefeito, pelas redes sociais.

O Índice de Isolamento Social da empresa Inloco usa tecnologia de geolocalização. As estatísticas levantadas pela ferramenta representam a movimentação de cerca de 540 mil usuários de celular de Porto Alegre em todas as regiões da cidade. Existe uma tolerância de 450 metros — as pessoas podem até se movimentar, mas em um raio muito curto. O medidor sempre mostra dados das últimas 24 horas.


Fonte: Gaucha ZH




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (55) 8408-0001

Visitas: 835815
Usuários Online: 41
Copyright (c) 2020 - Ijuí Express