Esporte

Grêmio volta à Arena para encarar o Criciúma pressionado a vencer

Publicada em 19/05/2022 às 08:17h

por ZH


Compartilhe
Compartilhar a notícia Grêmio volta à Arena para encarar o Criciúma pressionado a vencer  Compartilhar a notícia Grêmio volta à Arena para encarar o Criciúma pressionado a vencer  Compartilhar a notícia Grêmio volta à Arena para encarar o Criciúma pressionado a vencer

Link da Notícia:

Grêmio volta à Arena para encarar o Criciúma pressionado a vencer

O Criciúma é o rival do Grêmio nesta quinta-feira (19), na Arena, pela oitava rodada da Série B. O Tricolor entrará em campo, a partir das 19h, em busca de uma vitória fundamental para evitar que Roger Machado e seus comandados passem a ter um outro adversário, o causado pela pressão que certamente virá no caso de uma terceira rodada sem vitória na competição.

O jogo desta noite marcará o retorno do Grêmio à Arena após 19 dias. Em 30 de abril, além de vencer o CRB e assumir a liderança da Série B, o Tricolor teve uma atuação que rendeu elogios e gerou uma expectativa positiva que não se confirmou nas rodadas seguintes, o que torna o cenário atual completamente diferente. 

A derrota para o Cruzeiro, em Belo Horizonte, e o empate com o Ituano, em Itu, fizeram o Grêmio despencar para o sexto lugar. Estar fora do G-4 após sete rodadas já é motivo suficiente para gerar pressão para o jogo desta quinta-feira. No entanto, isso é potencializado pelo nível das atuações contra mineiros e paulistas, quando o Tricolor ficou devendo desempenho. A insatisfação foi externada pelo vice de futebol Denis Abrahão em Itu.— Tem de entrar em campo sabendo que tem de dividir cada bola como se fosse a última. Se tivéssemos saído com a vitória, seria injusta. Não merecíamos ganhar. Estamos procurando fazer de tudo e parece que não adiantou. Eu não posso ficar em concordância com o que eu vi. Não foi o nosso tradicional Tricolor, me preocupei. Duvido que o Grêmio volte a ter uma atuação dessas. Não vai se repetir. Não vamos deixar de tomar as atitudes que precisamos tomar. É convencimento de que a Série B é assim e não vai mudar. Os caras dão pontapé, é assim mesmo. Pois nós vamos alcançar o nosso objetivo e não vamos medir esforços — cobrou.

O colunista de GZH identificado torcedor gremista, Alex Bagé reconhece que Roger Machado não foi o responsável por formar o elenco do Grêmio. O jornalista, porém, destaca que o treinador precisa fazer o time jogar mais com as atuais peças.

— Mesmo que eu considere que o Roger não esteja comandando um time que foi montado por ele, apenas o Biel foi sua indicação, é preciso ajustar o time com esses jogadores. O Roger hoje sofre uma pressão. Empatar fora não é de todo ruim se você ganhar em casa, e o Grêmio já perdeu para a Chapecoense na Arena. Além disso, o Grêmio tem empates fora contra Ponte Preta e Ituano, que são adversários muito fracos. Isso tudo aumenta a pressão. Soma ainda que o Roger teve uma semana inteira para preparar o time contra o Ituano. Agora não teve e precisa aproveitar o fator casa. Se ganhar, vai ter 10 dias de trabalhos tranquilos, mas na próxima partida voltará a pressão de vencer de novo — avalia .  

Como citado por Bagé, o Grêmio voltará a campo somente daqui a 10 dias pela Série B, quando vai enfrentar o Vila Nova, em Goiás. O resultado diante do Criciúma irá definir se o período será de tranquilidade para Roger Machado ou de pressão para o técnico, seus jogadores e também a diretoria tricolor.










Nosso Whatsapp

 (55) 98408-0001

Visitas: 1739108
Usuários Online: 29
Copyright (c) 2022 - Ijuí Express
Converse conosco pelo Whatsapp!